Paulo Paiva

O Aikido e meu caminho ou torçendo pulso da galera

"Se as portas da percepção estivessem livres, tudo se mostraria ao homem como é, infinito." -- (William Blake)
Resolvi escrever este pequeno texto porque creio ser importante a divulgação de idéias e opiniões que me são caras, advindas de um doloroso processo de aproximações sucessivas à minha verdade pessoal, e que espero possam servir de baliza a outros Semelhantes.