Uma breve história do Iaido

O termo Iai foi usado pela primeira vez por Ienao Izasa (também conhecido pelo nome de Choisai Izasa), fundador da Tenshin Shoden Katori Shinto Ryu, na segunda metade do século 15. Ele desenvolveu uma série de técnicas baseadas no saque rápido da espada que chamou de Iaijutsu. Esta escola treinava o uso de várias outras armas, como lanças, dardos, bastão, etc. e o saque rápido da espada, tanto como uma forma de defesa como de ataque, foi incluído como parte do seu currículo. Outras escolas como a Tatsumi Ryu e Takenouchi Ryu logo adotaram a prática do Iaijutsu no início do século dezesseis.

Conta a história que na segunda parte do século dezesseis, Shigenobu Jinsuke (1542-1621) teria recebido inspiração divina durante um sonho e desenvolvido uma nova arte de desembainhar a espada. Depois desta revelação, Jinsuke fundou a Shimei Muso Ryu e foi uma das primeiras pessoas a ensinar as técnicas da espada como uma via para o desenvolvimento espiritual. Apesar de não ser o criador do Iaijutsu, sua influência foi tremenda e mais de duzentas escolas têm suas origens ligadas a Jinsuke.

Vários mestres que vêm da linhagem de Jinsuke formaram o seu próprio estilo. Entre eles temos Shigemasa Tamiya (Tamiya Ryu), Kinrose Nagano (Muraku Ryu) e Eishin Hasegawa (Muso Jikiden Eishin Ryu), que foram respectivamente o primeiro, o terceiro e o sétimo sucessores da linhagem de Jinsuke.

No início do século vinte, Hakudo Makayama, se tornou o décimo sexto sucessor da linhagem Jinsuke/Eishin. Makayama dominava Omori Ryu, Shindo Munen Ryu, Yamaguchi Ryu, Muraku Ryu e Muso Jikiden Eishin Ryu.

Mais tarde ele desenvolveu seu próprio estilo o qual chamou de Muso Shinden Ryu e fez com que as técnicas fossem disponíveis a qualquer pessoa que tivesse interesse.

Nos anos 40 estas formas de Iaijutsu foram redefinidas e tomaram o nome de Iaido, em sintonia com outras artes que adotaram a mesma nomenclatura a exemplo de Jigoro Kano, fundador do Judo.

Em 1967 a Zen Nihon Kendo Renmei (Federação Japonesa de Kendo) formou um comitê para desenvolver um currículo para o estudo do Iaido. A princípio, este currículo foi desenvolvido para os praticantes de Kendo que estavam perdendo contato com a utilização de espadas verdadeiras. Membros da Muso Jikiden Eishin Ryu, Muso Shinden Ryu e Hoki Ryu estabeleceram um currículo de sete kata que passaram a ser conhecidos como o seitei gata (formas padrão). Em 1977, outro comitê foi formado, desta feita com a inclusão da Tamiya Ryu. Este comitê adicionou mais três kata ao seitei gata.

Atualmente, foram acrescentadas mais duas formas, perfazendo o total de 12 formas para exame no sete iai ou seitei gata.

O seitei gata logo passou a ser adotado como padrão internacional para graduação e competições. Ele também passou a ser valorizado como um instrumento didático e muitas escolas ensinam o seitei gata aos principiantes, para só depois ensinar o estilo antigo ou escola classica. Hoje em dia o seitei gata é o sistema mais praticado tanto no Japão como no resto do mundo.

3 anos 8 meses atrás