Iaido - Aspectos Gerais

O Iaido é uma das disciplinas da esgrima japonesa.

O Iai, inicialmente, era uma maneira usada pelos samurais para adquirir serenidade de espírito, controle de respiração e sinal de perfeição e elegante autocontrole na arte de desembainhar a espada. Caracteriza-se basicamente por sacar a espada (katana) de modo rápido, com beleza impecável, simulando um confronto real com um ou mais adversários imaginários.

O Iai, no sentido amplo e antigo, é a arte de desembainhar, cortar, dar estocada e defender-se, com grande diversidade de aplicações. Na visão moderna do Iaido, o principal propósito é desenvolver a serenidade de espírito.

Existem várias modalidades de Iai. Dentre as mais conhecidas e praticadas estão: Muso Shinden Ryu, uma escola clássica, e o Seitei Iai, um conjunto de técnicas compiladas de várias escolas tradicionais.

No Japão a principal organização supervisora da prática do Iaido é a Zen Nihon Kendo Renmei – ZNKR (Federação Japonesa de Kendô), que estabeleceu o Seita Iai.

De modo geral, os iniciantes começam a aprender as 10 formas Seitei Iai e depois, se obtiverem um bom desenvolvimento passam a aprender as técnicas e formas da Muso Shinden Ryu.

Tal qual na Zen Nihon Kendo Renmei, praticamos, majoritariamente, o Seitei Iai, e a Muso Shinden Ryu.

Praticar Iaido é, antes de tudo, exercitar paciência, pois o aprendizado é demorado. Em busca da maestria o verdadeiro praticante de Iai dedica a sua vida inteira.

Objetivo da Prática

O objetivo do Iaido é o coração não-vingativo e o término de conflitos deverá ser conseguido através do “não-desembainhar-da-espada”.

Antigamente o Iaido foi chamado “saya-no-uchi”, isto é, invencibilidade sem desembainhar a espada.

A verdadeira vitória é afastar o oponente através dele mesmo. Entenda-se esse “oponente” metafórico como sendo quaisquer obstáculos psíquicos, físicos ou paradigmáticos.

Na sociedade moderna, as negociações, sejam no âmbito pessoal, social, etc, devem ser conduzidas com a estabilidade necessária para se alcançar os objetivos propostos, mesmo diante de impasses.

A prática do Iaido para o moderno cidadão é, tal qual era para os samurais, além do desenvolvimento de habilidades motoras, a maneira de obter a estabilidade pessoal necessária para agir no momento certo, com precisão, com clareza de visão e espírito.

Como são as técnicas

Praticar Iaido é basicamente realizar kata (uma sequência de movimentos, ataque e defesa, numa luta imaginária), que por sua vez são compostas por técnicas centenárias da esgrima japonesa.

O conjunto de kata desempenhados de forma cerimonial denomina-se embu (demonstração) . No embu o praticante, envolve-se na realidade criada por sua mente, defrontando-se com os seus inimigos imaginários.

A execução das técnicas do Iai devem ser precisas, ordenadas, eficientes e eficazes, mas sempre com naturalidade, sem sobrecarregar o praticante e, fundamentalmente, reviver, mesmo que imaginariamente, situações de enfrentamento ao inimigo, gerando no praticante segurança, em todos os aspectos da sua vida.

Os movimentos no Iaido, de modo geral, consistem em:

  • Desembainhar (Nukitsuke),
  • Ameaçar (Seme),
  • Armar a espada (Furikabute),
  • Cortar (Kiri tsuke),
  • Sacudir o sangue da lâmina (Chiburi) e
  • Embainhar (Noto).

Geralmente todas kata envolve essa sequência de movimentos básicos. Aprende-se várias kata, cada uma equilibrada, precisa e elegante, que levam o praticante a assimilar os princípios do Iai.

Quando se pratica os diferentes kata, ainda que se treine sozinho, há de se imaginar que é atacado por inimigo real – um ou mais – para tentar vivenciar a sensação de perigo e alta concentração que propicia um ataque real e evitar o comportamento de praticar um mero exercício físico ou jogo de salão.

Diferente da espada ocidental medieval, a espada japonesa era usada para cortar e não para bater. Assim sendo, a ênfase é nas técnicas de corte.

Benefícios do Iaido

A prática do Iaido exige um grande esforço, uma paciência obstinada. E um caminho austero, mas que traz em si suas recompensas. E necessário segui-lo sem intenção de obter coisa alguma, praticando e praticando.

A prática do Iai agradara aos estetas, aos que gostam de coisas belas e bem-feitas (perfeição de maneiras, etc) e também aos misticos, pelo simbolismo universal da lâmina da espada.

Curiosamente, as pessoas que praticam Iaido, como verdadeira disciplina, são médicos, arquitetos e artistas que procuram perfeição e concentração nas tarefas de suas profissões.