A Espada da Luz - Hikari

A Luz

O Fundador freqüentemente usava a expressão “mais rápido que a luz” ao descrever a teoria do aikidô. Por essa frase ele quis dizer que, assim como a base das técnicas de aikidô consiste em absorver nos nossos próprios movimentos os movimentos do parceiro, o aikidô é, em um sentido espiritual, mais rápido que uma bala, mais rápido mesmo que a própria luz. O aspecto verdadeiramente único do aikidô é que uma pessoa está unida com a natureza, movendo-se com o espírito e a técnica unidos em um só, sempre de acordo com o princípio da rotação esférica.

Os movimentos do aikidô são extremamente variados. Em vez de seguir formas fixas, todas as técnicas são, uma após a outra, derivadas de um único princípio básico. Por essa razão, mesmo agora novas técnicas estão ainda nascendo. Há possibilidades infinitas encobertas dentro do cotidiano - é esta a característica peculiar do aikidô.

Talvez a essência do aikidô seja mais claramente expressa no irimi-nage (entrada e arremesso), e nas páginas seguintes uso essa técnica como um exemplo. Em contraste com técnicas mais complicadas, os movimentos verticais do início e os movimentos laterais do final são mais claramente evidentes.

Irimi-nage é uma técnica onde o nage (a pessoa que conduz) entra no ângulo morto (shikaku) do seu parceiro, toma-lhe o controle da direção, conduzindo-o e arremessando-o de acordo com o princípio da rotação esférica. A pessoa puxa o oponente para dentro do seu próprio movimento de tal forma que os dois corpos tornam-se um só, então destroi o equilíbrio do oponente e o arremessa, ao mesmo tempo mantendo-o no seu círculo de controle.

--
O espirito do Aikido de Kishomaru Ueshiba
traduzido por J.F.Santos - Aizen Brasilia

10 anos 11 meses atrás